Nossas Noticias

Vereadores Piska e Dido cobram informações a respeito dos serviços de iluminação pública em Rio Negrinho

[caption id="attachment_43015" align="alignnone" width="300"] Foto: Edson Frankowiak[/caption]
RIO NEGRINHO. Direcionado à Secretaria de Ações Governamentais, os vereadores Arlindo André da Cruz, o Piska (PP) e Rodrigo dos Santos, o Dido (PL), cobram, através de requerimento, informações a respeito dos serviços realizados pela empresa Energiluz durante os anos de 2020 e 2021 no município.
No documento apresentado na sessão da noite de hoje (1°),  eles pedem uma relação com uma série de relatórios, entre eles que se apresente uma planilha com a quantidade de lâmpadas que foram substituídas, bem como as que foram descartadas, mês a mês, inclusive com recibo destes descartes.
“Requeremos informações detalhadas a respeito dos trabalhos, com relatório das vias e dos postes nos quais os mesmos foram executados e, nos casos de troca de lâmpadas, cópias das respectivas notas fiscais, assim como os pareceres técnicos pela fiscalização do contrato”, aponta a justificativa do documento.
“Salientamos ainda que tal pedido atende solicitação da comunidade, que se queixa que a referida manutenção da iluminação no município acontece de forma mais constante em alguns bairros em detrimento de outros e que, em algumas situações tal manutenção, com a substituição de lâmpadas, não acontece”, diz ainda o requerimento.
O presidente do legislativo, Arlindo André da Cruz, o Piska (PP), diz não concordar com os gastos com a iluminação pública no município.
“Acho que foi gasto muito dinheiro indevido. Quero uma conclusão do que foi gasto em janeiro e fevereiro e comparar com o que foi gasto no ano passado. É um absurdo o que é gasto com a Cosip. Vamos esclarecer para o povo como é gasto esse dinheiro”, argumentou.
Promoções  
                                                               ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram