Nossas Noticias

Mobilização para criação do “Centro do Turista” é uma das bandeiras de Gilson Stoeberl, coordenador do Núcleo de Turismo da Acirne

RIO NEGRINHO. Membro ativo do Núcleo de Turismo da Associação Empresarial de Rio Negrinho (Acirne) desde 2015 – ano de sua criação – o empresário Gilson Stoeberl assumiu a coordenação da entidade em janeiro desse ano.
Ao Nossas Notícias ele comentou sobre o planejamento do grupo e as metas que pretende colocar em prática durante sua gestão.
Ele explica que o planejamento do Núcleo aconteceu ainda no mês de janeiro e regerá todas as atividades para 2021.
Segundo Gilson, um total de 12 ações foram mapeadas sendo ela a criação da Central do Turista, ações de marketing, participação no Conselho Municipal de Turismo (Comtur), treinamento em marketing para os nucleados e contratação de um colaborador.
Também estão programadas conversas com o poder público, desenvolvimento de materiais sobre o turismo, recursos financeiros, atualização do mapa turístico, a finalização do projeto de placas de sinalização turística, a busca de informações junto a Associação Empresarial do município de Maravilha, no oeste do Estado, bem como a realização de um Festival Gastronômico.
Esforços vem gerando resultados
Questionado a respeito dos avanços que vê no setor de turismo no município, Stoeberl destaca que nos últimos anos foi possível evidenciar o aumento do número de turistas que se fazem presentes em Rio Negrinho, seja em eventos, hospedagens, bares, restaurantes, etc.
“Além disso, o município recebeu premiações as quais validam que os esforços vem gerando resultados”, acredita.
Fortalecimento da vocação turística
“Temos historicamente nos mobilizado para a melhoria do ambiente turístico e empresarial, buscando capacitações, visitas técnicas, treinamentos, melhoria da gestão e ainda ações que transcendem ao meio empresarial como doação de placas ao poder público e criação do mapa turístico de Rio Negrinho”, cita o coordenador, referindo-se aos esforços do empresariado em prol do fortalecimento da vocação turística rio-negrinhense.
Gilson também acredita que algumas questões ainda necessitam ser trabalhadas como forma de promover ainda mais o turismo local.
“Receber bem o turista em nosso município, principalmente dando-lhes informações precisas e seguras dos pontos turísticos e de onde os turistas possam desfrutar dos espaços disponíveis é fundamental. Para tanto estamos mobilizando um local para o “Centro do Turista” que deve fazer o elo que nos falta”, opina o coordenador.
Disciplina de turismo nas escolas
Uma alternativa vista por Gilson como de suma importância para fortalecer a indústria do turismo no município seria começar a trabalhar o assunto desde cedo entre as crianças.
Assim, ele sugere a inclusão da disciplina de turismo nas escolas da rede municipal.
“Poderíamos ensinar as crianças desde pequenas nas escolas com a disciplina de turismo”, sugere Stoeberl.
Na região, Campo Alegre já adota a disciplina em sua grade curricular desde 2016 visando iniciar na comunidade escolar o pensamento focado no setor.
Promoções    
                                                   ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram