Nossas Noticias

Auxílio de R$ 600: em Rio Negrinho, quem tiver dúvidas pode entrar em contato com a Secretaria da Assistência Social

RIO NEGRINHO. Pessoas que tem dúvidas sobre o pagamento do Auxílio Emergencial de três parcelas de R$ 600  que começou a ser pago pelo governo federal nesta quinta-feira (09) podem entrar em contato com a Secretaria da Assistência Social, conforme confirmou Fabiano Kutach, o assessor de imprensa da prefeitura. Os interessados em saber se tem direito ao auxílio, datas de pagamento e mesmo orientações sobre o CadUnico, Bolsa Família, atualizações de CPF e todas as outras informações podem ligar para a Secretaria, pelo fone 36442233, das 07h30 às 13h30, de segunda a sexta-feira, exceto feriados.

Continua depois do anúncio
Nessa semana a Caixa Econômica Federal lançou o aplicativo “Caixa Auxílio Emergencial” e também o site auxilio.caixa.gov.br, possibilitando que milhares de trabalhadores informais, autônomos, MEI’S, desempregados, mães e pais solteiros e outros pudessem se cadastrar para receber o benefício. Em virtude ao grande número de acessos, o sistema chegou a travar nas primeiras horas de funcionamento e várias pessoas tem encontrado dificuldades em cadastrar seus CPF’s, que aparecem por vezes como inválidos. O problema, segundo a Receita Federal, se deu em casos em que os candidatos ao benefício tinham pendências eleitorais e outras, inviabilizando a regularização do documento. A Receita, em seus canais oficiais, informou que todos os CPF’s devem ser regularizados automaticamente hoje (10). Porém, a atualização dos documentos nos sistemas da Caixa deve levar mais alguns dias.
Continua depois do anúncio
Desde então, conforme dados da Caixa Econômica Federal, até a manhã desta quinta-feira (09), foram realizados mais de 240 milhões de acessos ao site e aplicativo do auxílio emergencial, sendo que 28 milhões de brasileiros já finalizaram o cadastro.

A Central 111, também disponibilizada pela Caixa, informou que recebeu mais de 4 milhões de ligações. Até a manhã desta quinta-feira (09), também conforme dados da Caixa, 2,5 milhões de pessoas já haviam recebido a primeira parcela do benefício.

Anúncios
 
 ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram