Nossas Noticias

Deputado Silvio Dreveck busca Colégio Cívico Militar para Canoinhas

Anúncios

SANTA CATARINA. Pensando em implementar e fortalecer novos modelos de gestão de alto nível para a educação pública de Santa Catarina, o deputado estadual Silvio Dreveck (PP) apresentou na Assembleia Legislativa um documento, que agora será enviado ao Governador do Estado, Carlos Moisés da Silva e ao Comandante Geral da Polícia Militar e Secretário de Estado da Segurança Pública, Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior, solicitando a implantação de uma escola cívico-militar no município de Canoinhas, em parceria com as redes de ensino públicas, e com os padrões empregados pelos colégios militares.

MODELO APRESENTADO É O MESMO PRETENDIDO PELO GOVERNO FEDERAL
Continua depois do anúncio

O modelo apresentado através de indicação na ALESC é o cívico-militar, o mesmo pretendido pelo Governo Federal. Ele é diferente das escolas militares e das militarizadas atuantes hoje.

Conforme a tenente-coronel Eliane de Assis, que é coordenadora de desenvolvimento pedagógico da Subsecretaria de Fomento às Escolas Cívico-Militares, subordinada ao MEC, afirma que:

“esse modelo busca uma gestão compartilhada entre corporações militares e secretarias de educação, de forma que as primeiras seriam responsáveis pela administração e disciplina, enquanto as segundas ficariam a cargo da condução pedagógica nas instituições de ensino”, explicou.

234 ESCOLAS NO BRASIL 

Nas escolas militares, ao contrário, toda a condução da escola está subordinada às corporações militares, enquanto nas militarizadas não há subordinação às corporações, mas apenas adesão aos valores e formas de organização. Segundo o MEC, o Brasil tem, atualmente, 234 escolas que seguem um dos modelos.

DREVECK SUGERE TRABALHO EM TRÊS PILARES
Continua depois do anúncio 

Silvio ressalta que o trabalho será para que aconteça tudo dentro de três pilares: disciplina, valores e meritocracia, valorizando os alunos com excelente desempenho escolar e disciplinar.

 “As escolas militares, reconhecidamente, têm ótimo desemprenho em avaliações educacionais. O Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires, na capital, por exemplo, alcançou a melhor nota entre as series finais da rede estadual no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), em 2015, e atingiu a 19ª colocação no ranking geral”, comentou Dreveck.

Decreto 9.465, de 2019, do Governo Federal, aprovou a nova estrutura do Ministério da Educação, criou a subsecretaria e trouxe como proposição um “modelo de escola de alto nível, com base nos padrões de ensino e modelos pedagógicos empregados nos colégios militares do Exército, das Polícias Militares e dos Corpos de Bombeiros Militares, para os ensinos fundamental e médio”.

ADESÃO PROGRESSIVA DE ESCOLAS ESTADUAIS E MUNICIPAIS
Continua depois do anúncio

A pasta deverá promover, de forma progressiva, a adesão de escolas estaduais e municipais ao modelo cívico-militar, por meio de adesão voluntária dos entes federados, atendendo, preferencialmente, aquelas em situação de vulnerabilidade social.

Legislativo Municipal

A Câmara de Vereadores de Canoinhas aprovou neste ano um requerimento apoiando a instalação da escola no município.

Anúncios
 ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram