Nossas Noticias

Quarta-feira (24) é o Dia Mundial de Luta Contra a Tuberculose

Nesta quarta-feira (24) é o Dia Mundial de Luta Contra a Tuberculose. Um dos problemas de saúde mais antigos da humanidade, a tuberculose é uma doença infecciosa e transmissível, causada por uma micobactéria (Mycobacterium tuberculosis), que afeta principalmente os pulmões, mas pode atingir outros órgãos. Em São Bento do Sul, atualmente, 5 pacientes estão em tratamento contra a doença. O diagnóstico precoce e oportuno da tuberculose é fundamental para o controle da doença. Por isso, é necessário ficar atento a sinais e sintomas que podem estar associados à doença. Em adolescentes e adultos jovens os sintomas são: tosse por mais de três semanas, com ou sem febre (geralmente mais à tarde), suor intenso à noite, falta de apetite e emagrecimento. Em crianças menores de 10 anos o sintoma mais comum é uma febre moderada e persistente que pode estar associada a irritabilidade, tosse, falta de apetite, perda de peso e suor intenso à noite. Na presença destes sinais ou sintomas, a pessoa deve procurar a Unidade de Saúde mais próxima para realização de exames de escarro. “Após o diagnóstico confirmado, o tratamento é iniciado o quanto antes”, explicou o infectologista da Secretaria de Saúde, Luiz Felipe de Souza Moreira, o qual atua na Vigilância Sanitária e no Centro de Especialidades Médicas desde fevereiro deste ano. Tratamento – Ofertado gratuitamente pelo SUS, o tratamento é realizado pelo período de seis meses. Nos dois primeiros meses é a fase intensiva, com a administração de quatro medicamentos. E os quatro meses seguidos é a fase de manutenção, onde são dois medicamentos. A medicação é dada e supervisionada pela Unidade de Saúde do bairro do paciente. Transmissão – A tuberculose é transmitida pelo ar, quando uma pessoa com a doença fala, espirra ou tosse e lança partículas com a micobactéria pelo ar, que podem entrar em contato com outras pessoas. Ambientes fechados, com pouca ventilação e ausência de luz solar favorecem a permanência e concentração da micobactéria no ar, aumentando as chances de transmissão da doença. Previna-se – A prevenção da tuberculose é realizada por meio da vacinação das crianças menores de 4 anos com a vacina BCG, pelo tratamento adequado das pessoas infectadas e por medidas de controle da infeção. Quando é descoberta uma pessoa com a doença, todos os seus contatos íntimos são examinados para avaliar a presença da tuberculose em sua forma ativa ou latente. Promoções

 
]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram