Nossas Noticias

Como denunciar pessoas com COVID-19 que não cumprem o isolamento e circulam pelas ruas

RIO NEGRINHO. Desde o início da pandemia as regras básicas de prevenção à contaminação por COVID-19 são amplamente divulgadas: usar máscara; manter o distanciamento de 1,5 metro de outras pessoas, usar álcool gel e evitar aglomeração. Outra regra é: em caso de confirmação da doença, o paciente deve ficar isolado por um período indicado pelo seu médico (a) para evitar que contagie outras pessoas. Até a manhã de hoje (19), em Rio Negrinho foram confirmados 31 óbitos em decorrência da doença. Em São Bento do Sul, foram 49 óbitos e em Campo Alegre, 25. De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil já foram 287.499 mortes. Porém, já há algumas semanas, seguidores tem entrado em contato com o portal, declarando ver circulando nas ruas pacientes positivados com COVID-19, colocando em risco a saúde de várias outras pessoas. “Vi uma pessoa positivada tomando café em um estabelecimento, sem nenhum respeito com os demais. Me senti mal por ver uma situação dessas, vendo que essa pessoa pode contagiar muitas outras. Perdi uma amiga para o COVID-19, há muitas pessoas sofrendo em decorrência dessa doença. Pessoas que estão com a doença devem ficar em casa, caso contrário só vão contribuir para piorar mais a situação, prejudicando inclusive o sistema de atendimento, que já está sobrecarregado “, escreveu uma seguidora à página. Como denunciar Vigilância Sanitária Nossa reportagem conversou com a assessoria de imprensa da prefeitura, que informou que denúncias como essas também podem ser feitas diretamente à Vigilância Sanitária, que por sua vez pode acionar a Polícia Militar para auxiliar no atendimento. O telefone da Vigilância Sanitária é o 36464126 e o atendimento ocorre de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 11h30 e das 13h às 17h. Polícia Militar De acordo com o que a PM informou à reportagem, os policiais não tem como identificar quem são as pessoas que estão com COVID e por isso, denúncias deste tipo devem ser direcionadas primeiramente à Secretaria de Saúde, que se necessário, aciona a Polícia Militar. Polícia Civil Já o delegado Rubens, declarou que testemunhas podem fazer um Boletim de Ocorrência virtual ou diretamente na Delegacia. Ele destacou que uma pessoa que sabe que está positivada e não cumpre o isolamento está cometendo um crime. O B.O. pode ser feito com o testemunho do denunciante e ao documento também podem ser anexadas fotos flagrantes do paciente circulando em espaços públicos. Promoções

           ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram