Nossas Noticias

O que diz a PM sobre o tumulto na Fundação Hospitalar neste domingo em Rio Negrinho

RIO NEGRINHO. No final da noite deste domingo (13), a Polícia Militar publicou informações sobre a confusão que ocorreu na Fundação Hospitalar. De acordo com a PM, no fim da tarde a Central de Operações da Polícia Militar (Copom), recebeu ligações informando que na SC 112, um homem havia sido ferido por arma de fogo e fora conduzido por conhecidos até a Fundação Hospitalar Rio Negrinho (FHRN). Neste meio tempo, uma nova ligação agora da FHRN, informava que várias pessoas estariam quebrando as instalações do hospital e agredindo funcionários. Viaturas foram ao Hospital e lá chegando constataram que havia um tumulto envolvendo parentes e amigos de um paciente que acabara de dar entrada com ferimentos por arma de fogo. Linha temporal dos delitos: Na tarde de domingo houve uma briga no local conhecido como Laje dos Pires. Após a confusão os envolvidos saíram do lugar e pararam em uma casa nas proximidades de SC 112. Lá, outro grupo envolvido nas vias de fato, os viu e parou o carro também, momento em que disparou contra a vítima e empreendeu fuga. Os amigos da vítima o resgataram e levaram até a fundação hospitalar. Já na FHRN os agora autores de dano ficaram exaltados com a equipe e passaram a xingá-los e a quebrar portas e vidros do hospital. Com a chegada dos policias, os ânimos se acalmaram e os suspeitos do dano contra o patrimônio público foram presos e se encontram à disposição da Justiça. Com relação ao crime de homicídio, policias militares e civis continuam nas buscas pelo autor dos disparos e fazendo o levantamento de informações. A polícia militar pode ser contatada para denúncias sobre o paradeiro do suspeito através do telefone 190. Por volta das 23h horas após ser transferido para o hospital de Mafra a vítima não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito. Acompanhe nossas publicações sobre o fato em nossa página no Facebook clicando aqui  Família do rapaz baleado em Rio Negrinho dá a sua versão sobre o ocorrido no hospital neste domingo (13) Comparsa do acusado de ter matado Evandro Lima se entregou à Polícia nesta tarde em Rio Negrinho POLÍCIA CIVIL JÁ IDENTIFICOU SUSPEITO DE TER MATADO EVANDRO DE LIMA Fundação Hospitalar emite Carta à População de Rio Negrinho Funcionários da Fundação Hospitalar fazem manifestação silenciosa Promoções  ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram