Nossas Noticias

Participantes aprovam evento gratuito com chef de cozinha do Rio Grande do Norte realizado em Rio Negrinho

RIO NEGRINHO. Muitas pessoas já pensaram ou continuam pensando em ter um estabelecimento na área de gastronomia, seja ele um restaurante, bar, café ou similar. Tambem há aqueles que já pensaram e já realizaram esse sonho e hoje fabricam em casa doces e salgados para eventos, por exemplo, ou tem já sua lanchonete, padaria ou outro. Porém, tanto quanto vontade e muito trabalho, é preciso prestar atenção a alguns cálculos que fazem toda diferença nas finanças do estabelecimento, no produto final e na qualidade do atendimento ao cliente. Esses cálculos se referem à ficha técnica gastronômica, um importante meio de controlar ingredientes, serviços e melhor dirigir um estabelecimento na área de gastronomia. E foi para falar sobre esse tema, que a rede DEL Turismo em parceria com o DEL Turismo Rio Negrinho, com a Acirne e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo promoveram na última semana um workshop com o chef Paulo Ricardo Arsand, professor do curso de Chef de Cozinha do Senac do Rio Grande do Norte, com ampla experiência em hotéis internacionais. Arsand também já trabalhou com grandes nomes da gastronomia brasileira como Alex Atala, Jeferson e Janaina Rueda, Rodrigo Oliveira e Marcelo Murakami, dentre outros. O workshop aconteceu na sede da Acirne, no formato presencial e também online, transmitido pelos canais da entidade ( clique aqui para assistir a primeira parte, aqui para assistir a segunda e aqui para assistir a terceira ). Conforme Nicolas Nering, turismólogo da prefeitura, o curso foi  bem interessante por apresentar vários conceitos relacionados à gastronomia. “Principalmente com relação à gestão de empreendimentos, de elaborar uma ficha técnica para saber exatamente qual o custo de cada prato servido, para o participante ter base para elaborar o preço final”. Nering disse também que o chef abordou fatores bem específicos sobre a utilização de insumos, a quantidade certa de ingredientes, o saber quanto essa quantidade custou e outros. “Normalmente não se tem essas noções, pois muito se aprende na prática mas nada melhor do que um especialista para mostrar como esses conceitos funcionam realmente. O curso foi interessante também por mostrar que a ficha técnica é um fator muito importante para a gestão dos empreendimentos”, reforçou. Ivone Gonçalves e Ana Paula Pscheidt Potelicki, da Jugendhaus, aprovaram a capacitação. “As informações repassadas foram muito importantes. Todo empreendedor antes de iniciar seu negócio na área da gastronomia deveria procurar conhecer essas fichas técnicas de custo, evitando assim desperdícios e obtendo mais resultados positivos”. Maria Luiza Hacke, do Tsuru Sushi, também falou sobre o que aprendeu na capacitação. ” O  workshop foi muito legal. O tema é fundamental para qualquer restaurante, tanto na parte de gestão quanto na parte operacional. Afinal, manter padronização e qualidade nos pratos, ter uma correta precificação, … tudo isso faz a diferença. O chef Paulo é uma pessoa que tem total conhecimento sobre o assunto, ensinou maravilhosamente bem. Quero aproveitar para parabenizar os organizadores pela iniciativa. E que venham outros workshops”. Promoções ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram