Nossas Noticias

Instituições de segurança da região realizam simulado de atendimento de ocorrência com transporte de produtos perigosos com múltiplas vítimas na Serra Dona Francisca

REGIÃO. Instutuições de segurança da região realizaram o 2° simulado de acidentes com transporte rodoviário de produtos perigosos com múltiplas vítimas nesta quarta-feira (24) no km 16 da SC 418, na Serra Dona Francisca, entre às 09h e 12h40.

O evento simulou um acidente envolvendo um ônibus e um caminhão de transporte de produtos perigosos, restando com a colisão várias vítimas lesionadas, contaminações e também óbitos, além do derramamento de produtos e contaminação do local e águas próximo à região.

De acordo com os organizadores, a finalidade da atividade foi preparar as diversas agências para trabalharem em conjunto, em situações onde a natureza do evento exija um esforço cooperativo para dar uma resposta adequada.

O evento teve a participação da Polícia Militar Rodoviária (PMRV), que ficou responsável pelo primeiro comando no local, isolamento e repasse aos órgãos sobre as informações levantadas; Bombeiros Voluntários de Joinville e Bombeiros Militares de Campo Alegre, que ficaram responsáveis pela avaliação da cena, descontaminação das vítimas e posterior condução em conjunto com o SAMU e IDEAL Emergênciais Médicas para hospitais da região.

Também o Grupo de Resgate em Montanhas (GRM), que efetuou o resgate da vítima em local de difícil acesso; e a empresa AMBIPAR, responsável por realizar a contenção de descontaminação do local do acidente. Ainda participaram o IGP, IML, Auto Pista Litoral Sul, Agentes de Trânsito de Joinville, Defesa Civil de Joinville, Guaramirim e Campo Alegre, Empresa Águas de Joinville e Instituto do Meio Ambiente (IMA).

Sob intensa garoa, o evento foi realizado com a organização e coordenação da CIGERD REGIONAL NORTE.

De acordo com os participantes, o simulado foi válido para todas as entidades envolvidas.

Estas vão analisar seus pontos individualmente e numa reunião em data a ser definida irão realizar o feedback coletivo, para que sejam corrigidos os pontos necessários e a sequente atualização do plano de ação de emergências(PAE) em ocorrências dessa natureza.

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram