Nossas Noticias

MDB de Rio Negrinho faz projeções com foco nas eleições de 2022 e acredita que sigla possa eleger ao menos um deputado estadual e um federal da região

RIO NEGRINHO. O Nossas Notícias inicia hoje uma série de reportagens com os presidentes dos partidos políticos da cidade. Nesse primeiro momento as entrevistas serão com os representantes das siglas que possuem mandato eletivo – prefeito, vice e vereadores. Em uma segunda etapa serão também ouvidas as siglas que se mobilizam visando aumentar sua participação junto ao cenário político rio-negrinhense. A primeira reportagem da série é com Vilmar Pereira, presidente do diretório municipal do MDB de Rio Negrinho e coordenador regional do partido da região de Mafra. A sigla conta atualmente com 1.182 filiados inscritos, conforme consulta junto ao Tribunal Superior Eleitoral em maio deste ano. “Visando aumentar o número de filiados, o partido vem mantendo contato individual com eleitores, lideranças comunitárias e políticas do município”, destaca Pereira. Ele explica que em razão da pandemia, as reuniões presenciais não estando sendo realizadas pela sigla, em respeito aos decretos municipais e estaduais. “Estamos evitando nos reunir para não propagar o vírus”, cita o presidente. “As reuniões estão ocorrendo apenas regionalmente e de forma remota, por vídeo conferência, mas já visando mobilizar o partido com foco nas eleições de 2022, quando serão escolhidos representantes a nível estadual e federal”, adianta. “Nossa intenção é voltar a reunir os filiados e simpatizantes do partido tão logo diminua o perigo de contágio da população pelo coronavírus”, diz. Eleições de 2022 Ainda de acordo com Vilmar a intenção do partido é apoiar candidatos da região, tanto na disputa cadeiras na Assembleia Legislativa, quando na esfera federal visando espaço na Câmara dos Deputados. Para tanto, nomes de possíveis pré-candidatos estão sendo analisados, revela Pereira. O presidente lembrou que em recente encontro regional do MDB, ocorrido na Câmara de Vereadores, reuniram-se prefeitos, vices, vereadores e membros dos diretórios municipais pertencentes à regional de Mafra, que vai de Campo Alegre à Monte Castelo. “Na oportunidade foi abordado o assunto das candidaturas regionais, para elegermos pelo menos um deputado estadual e um federal do Planalto Norte e que venha de fato representar a região”, sugere Vilmar. Ele ainda cita o fato de que a eleição para governador, vice e para o senado também é assunto recorrente no MDB da região, pois o partido tem grandes chances de voltar a governar o Estado. Para isso, lembrou Pereira, estão previstas para agosto de 2021 as prévias do partido, quando serão escolhidos os candidatos do partido à chapa majoritária. Busca por maior representatividade local Se as eleições de 2022 já são tema recorrente do partido, as próximas eleições municipais, daqui a praticamente três anos e meio também já fazem o partido se movimentar. No último pleito, o partido elegeu apenas uma vereadora – Flávia Vicente – e busca agora aumentar a representatividade no legislativo municipal. “Também buscamos nomes com liderança e potencial de votos para compor as fileiras do MDB”, encerrou Pereira. Promoções  

                                                                                           
   
                                                                                                         ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram