Nossas Noticias

Prefeitura informa que um novo médico será chamado para atender no posto de saúde da Quitandinha, em Rio Negrinho; vacinador está atendendo no local uma vez por semana

RIO NEGRINHO. A falta de profissionais de saúde, em especial de um médico, para atender a comunidade junto ao posto de saúde do bairro Quitandinha, foi relatada por um morador à reportagem do Nossas Notícias nesta semana. Ele afirma ter questionado o poder público a respeito da situação, mas não obteve resposta. “Aqui no bairro Quitandinha além de estarmos há mais de um ano sem médico, agora começou a campanha de vacina da gripe e não tem um vacinador no posto. É uma vergonha isso para um posto. Deveria fechar isso logo e realocar para o centro ou para outro bairro”, reclamou ele, que pediu para não ser identificado. “De que adianta um posto no bairro que não tem médico e agora nem uma pessoa para aplicar vacina. As aulas estão próximas de iniciar. Já não basta a insegurança com o Covid e agora nem a vacina da gripe estamos podendo dar nas crianças”, desabafou ainda. Remanejamento de profissionais Fernanda Alexi, coordenadora da Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, afirmou ao Nossas Notícias, através da assessoria de comunicação da prefeitura, que o posto do bairro Quitandinha contava com um médico até o final de fevereiro deste ano e que este que era contratado através do programa Mais Médicos, acabou saindo. “Foi aberto novo processo seletivo, através do Mais Médicos, e o edital deferido sai amanhã (hoje) e aí poderá ser chamado um novo médico”, afirma. “Quanto ao vacinador, foi preciso alocar para o bairro Vista Alegre, visto que a demanda é maior. Mas estão sendo agendadas vacinas da gripe, uma vez por semana. O vacinador da unidade de saúde do bairro São Pedro vai até o Quitandinha vacinar”, cita ela. Promoções

                                                     ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram