Nossas Noticias

"O simples fato de olhar com mais carinho para as plantas e cuidar delas, me ajuda a superar os momentos delicados que esta pandemia traz", destaca Patrícia Valério

RIO NEGRINHO. Patrícia Dharfi Walter Valério é pedagoga, psicopedagoga e professora da rede pública municipal. E fora do ambiente escolar, ela também tem aprendido, há cerca de quatro anos, a se conectar ainda mais com a natureza, cultivando plantas diversas. Ela é uma das integrantes do grupo “Suculentas, Cactos, Folhagens e Flores”, que reúne atualmente 2,2 mil pessoas no Facebook ( clique aqui para entrar no grupo ). A iniciativa de usar a rede social para reunir apaixonados por flores foi das também rio-negrinhenses Claudinéa Liebl e Vanisse Tureck ( leia a matéria completa aqui ) e tem agradado muitas pessoas. “O grupo nos anima e motiva no cultivo das nossas ‘gorduchinhas’, que são as suculentas. Ver que mais pessoas são apaixonadas pelo cultivo destas e outras plantas, faz com que, neste tempo de distanciamento, possamos ficar unidos”, ressaltou Patrícia. Ela contou que começou a cultivar as suculentas há mais ou menos 4 anos. “Sempre amei cuidar de outras variedades de plantas, de ter um jardim. As suculentas surgiram como um lindo hobby e acabaram virando um ‘vício’ de colecionadora. A cada nova espécie encontrada, uma alegria estampada no rosto. Sou uma ‘sucolover’, sem dúvida”. Ao todo, ela relatou que tem mais de 50 espécies de plantas em casa e está sempre a procura de mais, seja para colocar no jardim externo ou em nos vários vasinhos, que enfeitam o interior da sua casa ( confira em uma das fotos abaixo como ela deixou linda uma estante, toda enfeitada com vasinhos!). “Além de muito amor, o cuidado por essas pequeninas exige um olhar particular para cada uma. Tem aquelas que gostam de mais de água, ou de sombra, ou de sol… enfim, procuro observar o crescimento de todas elas e suas particularidades”. Ela finalizou frisando o quanto o hobby tem contribuído em sua vida neste momento tão delicado que o mundo todo atravessa. “O simples fato de olhar com mais carinho para as plantas, de criar um jardim fora ou dentro de casa, de deixar as flores me escolherem, de respirar o aroma das plantas à minha volta e me  conectar com a natureza deixa os meus dias mais leves e me ajudam a superar os momentos delicados que esta pandemia nos traz”. [caption id="attachment_47830" align="alignnone" width="225"] “Cantinho novo, com fonte d’água”, explicou ela[/caption] [caption id="attachment_47833" align="alignnone" width="253"] Um breve flash da fonte, já pronta![/caption] Promoções

                                                   ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram