Nossas Noticias

Aula magna do curso de Direito da UnC Rio Negrinho teve palestra de Juliano Froehner sobre startups na área jurídica

RIO NEGRINHO – A Universidade do Contestado (UnC) promoveu na segunda-feira (1°), através do curso de Direito, a aula magna com o tema “Startups”, tendo como ministrante Juliano Froehner, Mestre em Direito ( com foco em negócios ) pela Universidade de Harvard ( EUA ) e Mestre em Direito Econômico Internacional pela Universidade de Warwick, na Inglaterra. Froehner é ainda empreendedor, advogado internacionalista e conselheiro independente em Conselhos de Administração de diferentes empresas. Por conta da pandemia, a aula aconteceu de forma totalmente virtual, através do aplicativo Google Meet. “A aula magna do curso de Direito consagra-se como um evento tradicional que visa inaugurar as atividades do semestre em alto nível acadêmico, propondo discussões sobre temas atuais e pertinentes à formação acadêmica do discente”, comentou Jaciel Santos Karvat, coordenador do curso de graduação, ao Nossas Notícias. Segundo o coordenador, durante a aula, Juliano destacou sobre a crescente vinda das startups ao meio jurídico, e explicou sobre os diversos meios de ingressos. “Foi destacado ainda sobre as startups e projetos que estão em andamento em Rio Negrinho e que contam com a participação de empresários e Associação Empresarial”, apontou. Trajetória Juliano Froehner destacou que durante a aula magna falou um pouco sobre sua trajetória e sobre as startups que já criou, além de expor para os acadêmicos que além de concurso público, do setor acadêmico, de ONGs, do setor privado e da advocacia em si eles também podem efetivamente empreender com inovação e tecnologia. “Apresentei para eles várias startups que têm se destacado na área do direito como lawtechs (startups com produtos e serviços para escritórios de advocacia) e as legaltechs (startups com produtos e serviços disponibilizados para toda a sociedade)”, explicou o professor. “Contei também sobre a proposta levada em 2011 para a UnC sobre o TCC Mentor, em que no lugar do TCC ou artigo científico o aluno poderá ter uma mentoria com alguém que já montou uma empresa e montar uma equipe para colocar uma startup em pé e sobre o que está em curso sobre a disciplina T+E  no ensino público fundamental, que tem por objetivo oferecer uma profissão para os alunos em programação, desenvolvimento e empreendedorismo”, disse. O T + E está sendo realizado experimentalmente com alunos da Escola Padre Claudio Longen, no bairro Pinheirinho. Froehner ainda apresentou aos alunos os requisitos legais e de mercado que definem o que é uma startup dentro do Marco Legal das Startups. “É um projeto de lei que foi aprovado em dezembro de 2020, passou pelo Senado no mês passado e agora já retornou para a Câmara dos Deputados”, explicou.
Promoções      
                                                                                                               ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram