Nossas Noticias

Adultos também precisam se vacinar, alerta especialista

A especialista Adiajnye Leslye é a autora deste texto. Ela é colunista do portal Nossas Notícias, onde escreve sobre saúde.[/caption] Tem dias difíceis, que as vezes te fazem refletir: “Nossa, como eu era feliz quando criança!”. Cansa ser adulto às vezes, não é? Por outro lado, quando crianças, algumas obrigações parecem tornar os adultos seres horríveis. Pergunta para uma criança o que ela gosta de comer? Logo a resposta vem, seguida de um sorriso maroto: brigadeiro, chocolate… Ofereça a ela, salada, e peça para ela escolher. É muito provável que não vai sobrar chocolate diante dessa proposta. Já, quando adultos, embora não tão apetitoso, sabemos que podemos comer as coisas boas, mas, acrescentamos aquela salada, frutas… que quando criança parecia ser um esforço muito grande de comer. O mesmo é valido para as vacinas. Quando criança, parece horrível o que os pais fazem, mas é uma atitude indispensável, levar o filho para tomar vacina! Detalhe é que, tem adulto por aí, que se pedirem a carteira de vacinação, não tem nem ideia de onde está. A pergunta sobre a oferta de tomar vacina, tem praticamente a mesma resposta entre adultos e crianças… “Não!” Pois saibam vocês que a carteira de vacinação, é como um documento, que deveria estar juntinho dos outros na carteira. E, o mais importante, com os registros de vacina em dia! As vacinas são muito associadas as crianças, quando em verdade, as vacinas são para uma vida toda. Existe um calendário de vacinação a ser cumprido quando adultos também. A vida imune, acontece durante a vida de um indivíduo e não somente quando criança. Na área da saúde por exemplo, quando um colaborador é contratado, um dos documentos solicitados, é a carteira de vacinação em dia, e essa prática deveria ser seguida por muitas empresas, bem como, o pedido do preventivo das mulheres, como uma forma de incentivo ao cuidado da saúde. As pessoas negligenciam sua saúde quando deixam de tomar vacina, pois elas se tornam alvos de algumas doenças. O Brasil tem um sistema de vacina, muito bem definido, com campanhas gratuitas, o que muitos outros países não tem. Muitas doenças já foram erradicadas, ou seja, doenças as quais não se registraram casos por décadas, por causa da imunização feita pela vacina. Se você tem acompanhado as colunas anteriores aqui no Nossa Notícias, você já leu por aqui sobre imunidade, pois bem, comparamos a imunidade como um conjunto de chave e fechadura. A vacina, vem como uma chave, para mostrar para nosso organismo, o formato de um vírus. Nesse caso, nosso organismo, como um sistema inteligente, reconhece o formato da chave, em sua fechadura, e guarda em sua memória. Quando um vírus se apresenta, o organismo, já sabe como lidar para se defender. Detalhe: é que com o passar dos anos, nosso organismo precisa ser lembrado e por isso, as vacinas continuam a ser aplicadas. Para que mesmo quando adultos, nosso organismo relembre como agir frente a um vírus. O processo da vacinação é quase indolor. Sim, dói um pouco as vezes, mas é momentâneo. Muito adulto tem medo de injeção, e acaba deixando passar. Atitude que pode custar sua saúde mais tarde. Uma pesquisa realizada em 2017, mostrou que no Brasil, 69% dos adultos não estavam com suas vacinas em dia, e, 15 % afirmaram que acreditavam que vacina era só para criança. Isso é preocupante, pois, diante das mudanças que temos acompanhado em questão de clima, e novas doenças por aí, a vacina se torna ainda mais importante no quesito imunização. Em 2015, foi registrado o último caso de sarampo e estávamos todos muito felizes em comunicar ao mundo que o sarampo havia desaparecido no Brasil. Ficamos alguns anos sem registros de casos, mas, como a prática de vacinação não é comum em alguns países vizinhos, tivemos registros novamente de casos, de forma significativa, com a vinda de alguns casos do estrangeiro. Algumas fronteiras, pedem que as pessoas se vacinem antes de viajarem por lá, entretanto, esse foi um detalhe que acabou fugindo do controle no Brasil. Mas estamos em tempo! Basta buscar uma unidade de saúde mais próxima de sua casa, resgatar sua carteira de vacina, e ver se está faltando alguma vacina. É como precisar levar o carro para revisão, todo homem faz, e em dia. A mulher não deixa de ir a manicure, ou fazer as madeixas. Por que não acrescentar em sua agenda a passadinha no posto de saúde para verificar suas vacinas? MOVIMENTOS CONTRA AS VACINAS  Ouve-se falar de movimento contra vacinas. Cada um é formador de opinião, mas são válidas as observações, de que, se uma pessoa exclui a oportunidade de uma criança de tomar vacina, ou mesmo, deixa de vacinar quando adulto, ela está se expondo a sérios riscos. Existem muitas falácias sobre vacinas que apresentaram problemas e reações, entretanto, atualmente, são realizados muitos testes, anos de estudo para que uma vacina seja colocada em circulação. Não há por que temer. São passos criteriosos até que a vacina apareça no mercado. Então, adulto tem calendário de vacinação sim! Em todo tempo devemos buscar cuidar da nossa saúde! Vacine-se!! Contatos com a especialista podem ser feitos pelo fone/whats: (47) 9.96322985 Acompanhe alguns outros textos da colunista:  https://nossasnoticias.com.br/2020/04/01/voce-sabia-covid-19-e-um-dos-sete-coronavirus-humanos-e-o-mais-grave-ate-hoje-conforme-biomedica-a-primeira-especie-do-virus-comecou-a-ser-estudada-em-1960/amp/ http://nossasnoticias.com.br/2020/05/22/friagem-causa-dor-na-bexiga-e-dor-na-garganta-biomedica-adiajnye-leslye-responde/amp/ https://nossasnoticias.com.br/2020/04/30/alergias-onze-topicos-que-voce-precisa-saber/amp/ https://nossasnoticias.com.br/2020/04/09/respondendo-perguntas-sobre-o-coronavirus-e-os-testes-para-detectar-a-doenca/amp/ https://nossasnoticias.com.br/2020/05/15/depressao-falta-de-vitamina-d-pode-aumentar-em-ate-75-as-chances-de-se-desenvolver-da-doenca-destaca-biomedica/amp/ ACESSE TODOS OS TEXTOS DA ESPECIALISTA CLICANDO AQUI    ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram