Nossas Noticias

E a sua imunidade, você sabe como está?

Adiajnye Leslye é biomédica, patologista clínica e microbiologista. É sócia proprietária do Laboratório Proll Vida ( (47) 99253-8775 ou (47) 3632-7946 ), de Campo Alegre, professora da Unisociesc em Bento do Sul, colunista do portal Nossas Notícias e autora deste texto.[/caption]   Todos falam nesse momento sobre manter a imunidade boa. Com certeza as mães muito cuidadosas, preparam o chá com seus ingredientes especiais, para “melhorar a imunidade”. Mas afinal, o que seria e como melhorar a imunidade? A imunidade é nosso mecanismo de defesa. É como um conjunto de chave e fechadura, e funciona por reconhecimento. Nós, temos o sistema de fechadura (chamado de anticorpos), e um vírus por exemplo, apresenta-se como a chave (chamamos de antígeno). A partir do momento que temos contato com o formato (que seria a informação genética do vírus), nosso corpo reage e guarda em nosso sistema aquele modelo de chave. Ou seja, criamos anticorpos para interagir com antígenos. Somos um sistema inteligente que trabalha de forma integrada. São muitas as células, que apesar de microscópicas, lutam bravamente para nos manterem longe de microrganismos invasores incomuns ao nosso sistema. Neste momento de pandemia do coronavírus, a imunidade é muito importante, tendo em vista que não há ainda uma vacina ou medicação Neste momento, com o coronavírus, um modelo de chave ainda desconhecido em nosso organismo, todos se preocupam em alertar sobre cuidar da imunidade. Não há ainda medicação e vacina para nos apoiar, mas a imunidade é muito citada. Eu não seria a melhor pessoa para falar sobre alimentação, por que minha área é analises, entretanto, sabendo que muitos alimentos são fonte de vitaminas, importantes para manter nossas células guerreiras saudáveis, posso afirmar que em se tratar de imunidade, as mães sempre tem razão. Alimentos Se alimentar bem, um prato com saladas, bem colorido, frutas, evitar os industrializados e tudo mais, faz parte de um bom desenvolvimento da imunidade; e com certeza exercitar-se de forma regular, ajuda a assimilar tudo que nosso organismo está processando. Sono Ah, e sabe quando sua mãe pede para dormir mais cedo? Sim! A imunidade também sofre influências de noites mal dormidas. Imagine suas células, que fazem muitas operações dentro de você diariamente. Elas estão prontas para combater um invasor, mas elas estão fracas, por que você não se alimenta direito. Ou, desgastadas por que você não dormiu as horas necessárias, fumou e ingeriu álcool, e elas estão confusas com toda essa bagunça. Parece uma história para convencer crianças a comer bem, mas sim, a grosso modo, é a realidade. Desde que nascemos  Quando nascemos, nossa imunidade começa a se construir. Nossa primeira vacina é o leite materno, que é muito importante. Vale ressaltar que NÃO existe leite materno fraco. O sistema de uma mãe é tão interessante e ligado ao filho, que o corpo dela, produz o leite exatamente conforme a necessidade do filho que ela amamenta. E para as mães impossibilitadas de amamentar, devem se dirigir aos bancos de Leite. Inclusive, para quem ainda não sabe, o Hospital de Rio Negrinho tem uma unidade de banco de leite, muito bem estruturada. No decorrer dos anos seguintes , as vacinas  No decorrer dos anos seguintes, o bebê deve ser vacinado e esse processo segue até a vida adulta. As vacinas são muito seguras e importantes. São anos de estudo para que uma vacina seja liberada para aplicação em humanos. Neste processo, a vacina, oferece para o indivíduo vacinado, um modelo da “chave” para sua “fechadura”, ou seja, nosso corpo, recebe exemplos de como seria o vírus causador da doença e nosso organismo guarda na memória aquele modelo. Se um dia somos acometidos pela doença, nosso organismo já está preparado para se defender. Vantagens do Brasil A grande vantagem no Brasil é que temos calendários de vacina. Os brasileiros tem a oportunidade se vacinarem nas campanhas oferecidas pelo SUS. Isso fez com que erradicássemos muitas doenças. Então, sarampo, rubéola e outras complicações por doenças virais, quase desapareceram em nosso país. Nosso cuidado ainda, deve ser em ajudar as pessoas estrangeiras que passam a morar no Brasil, para que estas, também busquem se vacinar, e nos ajudem a manter essas doenças controladas. E claro, lembrando sempre dos cuidados para manter a imunidade em alta! Tem dúvidas sobre como está sua imunidade? Se você tem dúvidas de como está sua imunidade, aqui no Laboratório Proll Vida (https://prollvida.negocio.site/?utm_source=gmb&utm_medium=referral ), oferecemos exames simples, de resultados rápidos e custo acessível. O Proll Vida conta com duas Biomédicas, especializadas na área de Patologia Clínica, que podem direcionar você sobre quais exames realizar, lembrando ainda, que, seus resultados devem ser considerados por um médico para associar aos sintomas clínicos. Você realiza seus exames pela manhã e a tarde retira seus resultados, podendo ainda acessá-los ou recebê-los pelo celular!]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram