Nossas Noticias

Prefeito de Rio Negrinho decreta toque de recolher e outras medidas após confirmação de casos suspeitos e monitorados de coronavírus na cidade

RIO NEGRINHO. A prefeitura de Rio Negrinho confirmou agora a pouco a ocorrência de 5 casos monitorados e 1 caso suspeito de coronavírus. Segundo a nota divulgada nas redes sociais da administração, hoje (21 ), Rio Negrinho registrou seu primeiro caso suspeito de coronavírus. Trata-se de um homem, que estava em viagem e ao retornar, apresentou sintomas condizentes com a infecção pelo Covid-19, como febre e dores de garganta. Foi feita coleta de material e encaminhado para exame.

Continua depois do anúncio
Como não apresentava complicações da doença, foi medicado e encaminhado para que cumprisse o isolamento em casa. “Estamos seguindo todos os protocolos de segurança dos casos suspeitos de coronavírus”, informou a secretária de Saúde Maria de Fátima Mendes Afonso. Além disso, também hoje, outros cinco casos estão sendo monitorados, já que não apresentam sintomas condizentes de contaminação pelo Covid-19. “A princípio são casos gripais, mas que serão monitorados para verificar que não há qualquer alteração”, explicou Fátima. Neste sábado, o Posto Central (Centro de Especialidades Médicas) ficou aberto das 7h às 19h, como apoio às pessoas.
Continua depois do anúncio
Ao todo, foram realizados 18 atendimentos por problemas respiratórios leves e de amigdalite, além de três atendimentos por alergia, cólica renal e problema ocular. Ainda, foram atendidas 30 ligações relacionadas à dúvidas sobre gripes, medicação e vacinação. Já na sequência, o prefeito Júlio Ronconi,lançou um decreto (confira o documento abaixo), restringindo a circulação e a entrada de veículos de transporte coletivo de passageiros, interestadual ou internacional, público ou privado, e de veículos de fretamento para transporte de pessoas, durante o regime de quarentena  bem como toque de recolher das 20h às 06h e a limitação de atendimento de pessoas dentro dos estabelecimentos de serviços considerados essenciais, como mercados e farmácias. Em caso de muitos clientes procurando atendimento esses estabelecimentos deverão formar filas que terão que seguir os padrões estipulados no Decreto.   Confira o decreto na íntegra clicando no link abaixo: Decreto Municipal ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram