Nossas Noticias

Postos de saúde de Rio Negrinho terão grupos de atendimentos terapêuticos

RIO NEGRINHO. A Prefeitura de Rio Negrinho, por meio da Secretaria de Saúde, passará a contar com grupos terapêuticos nas unidades de saúde do município.

A medida como como objetivo apresentar uma nova proposta dentro do acesso avançado para a psicologia na atenção primária.

Continua depois do anúncio 

Para organizar os grupos, nos dias 29 e 31 de janeiro, foi realizada uma capacitação para os profissionais das equipes das Estratégias de Saúde da Família (ESF), Unidades Básicas e Centro Integrado de Saúde, pelos psicólogos Alexandre Rigoni Gonçalves e Michela Machado.

Durante o encontro, foi entregue o material para desenvolvimento de grupos terapêuticos.

Continua depois do anúncio 

Desde 2019, a Secretaria de Saúde vem propondo mudanças nos serviços de saúde com reflexão, discussão e possibilidades de organizar o acesso nas unidades.

“Buscamos trabalhar as necessidades de saúde da população, o fortalecimento do vínculo e a continuidade do cuidado”, explica a secretária de Saúde, Maria de Fátima Mendes Afonso.

Continua depois do anúncio 

Por meio dessas ações, houve novas possibilidades de organização do acesso da população aos serviços de saúde. Desta forma, as unidades de saúde na Atenção Primária preconizam o lema “Faça hoje o trabalho de hoje” com objetivo de dar resolutividade às demandas.

As equipes das unidades de Saúde se organizaram ao longo do mês de fevereiro para organização dos grupos, escala de facilitadores e auxiliares para os encontros. Foi também discutido sobre os temas e atividades propostas nas reuniões de equipe.

Continua depois do anúncio 

“Dentro desta nova proposta, os casos serão avaliados e priorizados de forma que os casos mais prioritários recebam o atendimento em menos tempo, reduzindo o tempo de espera para esta categoria de atendimento em saúde mental”, ressalta Fátima.

A proposta será coordenada pela equipe, com suporte técnico dos psicólogos, e os grupos acontecerão simultaneamente nas unidades, em dias alternados. Cada encontro terá duração média de 1h30.

Continua depois do anúncio 

“Um tempo maior do que teriam em uma consulta individual e com o benefício de uma maior troca de vivências”, aponta a secretária.

Para a Secretaria de Saúde é importante esclarecer o que é a psicologia para que se diminua o preconceito pela busca e adesão ao tratamento, embora a saúde mental não seja atribuição exclusiva do psicólogo, esse profissional é peça fundamental para promoção e prevenção da saúde mental.

Na Atenção Primária, a psicologia está envolvida no trabalho com as equipes de saúde (capacitação e interprofissionalidade na promoção e vigilância em saúde) e também no atendimento à população, ultrapassando a visão do atendimento em consulta individual.

Anúncios
]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram