Nossas Noticias

Alunos do Caminho do Saber produzem um foguete que voa tendo vinagre e bicarbonato como combustíveis

RIO NEGRINHO. Teoria e prática. Esse é sem dúvida um dos grandes segredos do  aprendizado efetivo. E foi com base nessa premissa que Sandra Andruchechen Szabunia, professora de Química e Física do Colégio Caminho do Saber, promoveu na manhã desta segunda-feira (18) uma atividade para lá de diferenciada com 62  alunos do primeiro, segundo e terceiro ano do Ensino Médio. Pelo segundo ano consecutivo ela propôs que os jovens fabricassem um foguete. Até aí tudo normal. A questão é que os alunos também foram desafiados a, com o conhecimento adquirido nas aulas teóricas, fazer o foguete voar de verdade. E deu certo! “Em campo, eles, de forma muito divertida,  aprenderam na prática sobre a reação química que se dá quando bicarbonato de sódio e vinagre são misturados. Para se ter uma ideia, essa foi a mistura usada como combustível dos foguetes, fabricados com garrafa pet”, explicou. A professora contou também que os alunos aprenderam sobre pressão, distância, velocidade, ângulos, alcance, deslocamento, direção e outros conceitos das ciências exatas que de várias formas  fazem parte do nosso dia. ” Vi esse projeto em uma das edições da Olimpíada Brasileira de Física e escolhi adotá-lo para o Colégio porque proporciona que os alunos tenham autonomia para elaborar e testar suas próprias hipóteses dentro de um ambiente motivador, agradável e rico em situações novas e desafiadoras”.   Sandra relatou que no total os alunos produziram 12 foguetes e que além do reforço no aprendizado, eles também trocaram muitas informações. “Os grupos se ajudaram muito. Quando um não conseguia chegar a um resultado, pedia e recebia orientações de quem já tinha passado para a próxima fase. Esse foi um momento muito rico, com certeza”, concluiu. ASSISTA O VÍDEO EM NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK 👇        ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram