Nossas Noticias

Eleições municipais 2020: Fabiano Dias Perfeito, tenente coronel da Polícia Militar, não descarta se candidatar ao cargo de prefeito

Anúncios RIO NEGRINHO. Ele é tenente coronel da Polícia Militar e comanda o 23° Batalhão da Polícia Militar, que abrange as cidades de Rio Negrinho, São Bento do Sul e Campo Alegre. Atua na carreira militar há 29 anos, graduado em Gestão Pública; seu nome é Fabiano Dias Perfeito e sim, ele não descarta a possibilidade de ser candidato a prefeito de Rio Negrinho nas eleições de 2020.

Continua depois do anúncio
E foi com muita discrição que ele recebeu a reportagem do Nossas Notícias na manhã de hoje, quando falou de suas pretensões políticas, que já vem sendo ventiladas em muitas rodas de conversa desde o início do ano. À reportagem, Perfeito confirmou o interesse em entrar para a vida pública mas garantiu que essa é uma decisão que deverá tomar só no próximo ano. “Neste momento, o tenente coronel Fabiano Dias Perfeito é comandante do 23° Batalhão da Polícia Militar até o próximo ano. Ainda não existe uma data predefinida para eu deixar o comando da Polícia Militar. Mas em 2020 vou poder fazer a opção de continuar na PM ou me afastar da carreira militar e me dedicar a questão política”.
Continua depois do anúncio
O tenente evidenciou também que antes de  optar em concorrer ao cargo no Executivo Municipal vai ponderar alguns fatores que julga determinantes. “A questão política não está descartada desde que haja novas ideias e um projeto para fazer coisas diferentes pela nossa cidade”. Falando em projetos, ele confirma também que vem sendo procurado por várias lideranças políticas e partidárias. Porém, pelas regras militares, não deverá tão cedo poder optar por uma sigla. “Por regra geral,militares não podem ser filiados a nenhum partido e quando optam por se candidatar a cargo eletivo podem se filiar na sigla de sua preferência somente no dia da convenção partidária”. Com isso, a decisão de Perfeito, positiva ou não, deverá movimentar intensamente o quadro eleitoral de Rio Negrinho, já que os partidos tradicionalmente só decidem seus candidatos nas convenções que acontecem na segunda quinzena de junho, já às vésperas da formalização das campanhas como um todo.
Continua depois do anúncio
Apesar de não adiantar nenhuma decisão no quesito partido, o tenente não escondeu uma eventual simpatia pelo  PSL (17), partido de Jair Bolsonaro, presidente da República e de Carlos Moisés, governador de Santa Catarina. “Há uma possibilidade de me filiar no 17, tendo em vista que estudei com o atual governador catarinense e o país no momento tem um militar como presidente. Mas não há nada definido”.  Independente de sigla partidária, Fabiano Perfeito, destacou que acredita em projetos e pessoas. “Tem que ter projeto com pessoas novas, ideias novas, porque se for para fazer o que foi feito até agora não precisaria haver mudanças. Creio também que uma pessoa só não será o diferencial mas sim todas as pessoas e as ideias que estarão neste projeto”. O tenente contou ainda que um dos fatores que o levou a começou a pensar em seguir uma eventual carreira política foi a confiança que muitas pessoas começaram a demonstrar ter em sua capacidade de mudança. “Isso me despertou essa vontade pela política. Trabalho com gestão pública há 30 anos, por isso a gestão por si só não é novidade para mim. Quando você faz gestão,  lida com muitas particularidades como pressão e burocracia. Por isso digo: não sou pré candidato mas não descarto a possibilidade de concorrer em 2020”.
Continua depois do anúncio
Perfeito finalizou confirmando que tem  o apoio de muitas pessoas, que segundo ele, individualmente, estão comentando sobre o apoio a uma eventual candidatura sua. “Mas não é nada oficial”, garantiu.        ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram