Nossas Noticias

Homem confessa que matou cachorro com três tiros de espingarda e acaba preso também por várias outras contravenções

ANÚNCIOS SÃO BENTO DO SUL. Por volta das 17h34 desta quarta-feira (13), policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência  na Rua Recanto, no bairro Alpino. Conforme a denúncia, um homem teria matado o cachorro do solicitante com dois disparos de arma de fogo. O solicitante também disse que o autor morava em uma casa na mesma rua. Naquele momento a guarnição PM visualizouo autor fugindo por um terreno que fica atrás da casa indicada. De imediato a guarnição deslocou atrás do homem e conseguiu alcançá-lo em uma área de mata localizada em um terreno que fica ao lado da casa. Os policiais deram voz de abordagem ao homem, que foi identificado posteriormente como sendo A. L. Foi realizada busca pessoal, mas nada de ilícito foi encontrado. Diante dos fatos a guarnição questionou se ele havia matado o cachorro, sendo que ele confirmou tal fato, inclusive ainda relatou que o havia matado com dois disparos de uma espingarda calibre 28. Os policiais perguntaram então onde estaria a espingarda e se o homem possuía mais alguma arma. Ele disse que possuía apenas a espingarda calibre 28 e que a guarnição poderia ir até sua residência realizar uma averiguação.

ANÚNCIO
Várias armas e munições Os policiais foram com o homem até a sua residência e lá,  em uma pilha de lenha foram encontradas uma espingarda calibre 28, 8 munições intactas de calibre 28 e 1 cápsula deflagrada de calibre 28, embrulhados em um saco plástico. Também foi achado outra espingarda tipo garrucha calibre 36, 2 munições calibre 32, 1 munição 36, 2 munições calibre .44, 2 munições calibre .38, e várias cápsulas deflagradas de diversos calibres dentro de um balde de plástico cheio de grãos de milho. Ainda foram localizadas várias cápsulas deflagradas de munição calibre 28. Também cigarros Foi também localizado na residência três caixas de papelão contendo cerca de 1190 carteiras de cigarro (aproximadamente 23800 cigarros) de marca Egipt e Star. Duas aves silvestres Na garagem da residência ainda foram encontradas duas aves silvestres “Chupim e Trinca Ferro”. Questionado sobre a origem das carteiras de cigarro e se as aves silvestres lhe pertenciam, o homem disse que as aves lhe pertenciam e que havia comprado as carteiras de cigarro na cidade de Joinville (SC). Diante dos fatos foi dado voz de prisão para A. L. e conduzido o mesmo, bem como o material apreendido, para a DELEGACIA DE POLÍCIA CÍVIL para os procedimentos cabíveis.
ANÚNCIOS
   ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram