Nossas Noticias

Menor que matou taxista em São Bento do Sul foi para Centro Socioeducativo

O jovem identificado pela Divisão de Investigação Criminal da Delegacia de Polícia Civil de São Bento do Sul (SC) como responsável pela morte do taxista Gilberto Sauer de Barros foi transferido ontem (02) para o Casep (Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório) de Joinville, conforme informações do delegado Gustavo Muniz, responsável pela DIC.

Casep em Joinville      Foto: ClicRBS   
ANÚNCIO
Até então, o jovem estava, desde quinta-feira (01), data de sua prisão, na Delegacia de São Bento aguardando uma decisão da Justiça. De acordo com as investigações da Polícia Civil, na madrugada do dia 31 para o dia 1°, com o intuito de matar para roubar, o jovem, fingindo tratar-se de um cliente, pediu que o taxista o levasse até o bairro Brasília, onde oo atacou com uma facada no peito. O que o menor alegou como sendo o motivo do crime
ANÚNCIO
O delegado contou que em seu depoimento, o menor disse que teria atingido o taxista por legítima defesa, alegação que foi descartada pela polícia. Já tinha passagens policiais Ainda de acordo com as informações policiais o menor já tinha passagens por roubo e furto e no momento não há como prever até quando ficará no Casep. O corpo de Gilberto foi encontrado já sem vida em frente a uma casa em uma das ruas do bairro Brasília. Depois de ser golpeado, ainda em vida, ele abandonou o táxi e saiu em busca de socorro.
ANÚNCIO
       ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram