Nossas Noticias

Sesc realizará outras edições do Quintal Brincar em Rio Negrinho

Que tal pegar seus filhos e passar uma tarde brincando com eles num espaço público? Você já pensou em fazer isso mas sentiu falta de um ambiente adequado para curtir um momento divertido com a sua família e com outras famílias? Quem participou da primeira edição do Quintal Brincar, realizado neste sábado (11), em Rio Negrinho, pode realizar este desejo. E, claro, no caso de papais e mamães, se divertir muito também. Várias atividades gratuitas O Quintal Brincar aconteceu em frente à Matriz Santo Antônio de Pádua, através de uma parceria com a regional do Sesc em São Bento do Sul, CDL e Sindilojas de Rio Negrinho. Entre às 09h e 15h, a equipe do Sesc desenvolveu várias atividades gratuitas com a população além de disponibilizar um espaço com várias opções de brincadeiras entre adultos e crianças. Ambientes diferenciados No local, foram montados ambientes para contação de histórias, oficinas de Bonecas Abayomis, jogos variados, brincadeira de perna de Pau, pula corda e pintura. “O pessoal veio bem curioso” O resultado da ação foi considerado bastante positivo para Deisi Corrêa, técnica de Cultura do Sesc São Bento do Sul. ” O pessoal veio bem curioso. Acredito que por ser a primeira vez muitos acabaram não chegando por não saber se poderiam participar. Mas mesmo assim tivemos uma adesão muito positiva porque as crianças chegaram no espaço, pegaram brinquedos e isso atraiu os pais também. Devagar as pessoas vão se acostumando”. Mais vezes em Rio Negrinho Deisi adiantou que de agora em diante o Quintal Brincar vai ser mais frequente em Rio Negrinho.”Pretendemos fazer novas edições muito em função dessa parceria que temos com a CDL de Rio Negrinho. Não tendo eventos nossos em São Bento ou Campo Alegre a tendência é que aconteçam em Rio Negrinho, sempre com  atrações diferentes”. “Sempre participamos das ações do Sesc em São Bento do Sul também” Peter Jony Anton é pai de João Otávio Rocha dos Santos Anton, de 4 anos. Ele falou sobre o que achou do Quintal. “O Sesc é um incentivo para as crianças e para o pessoal da cidade também é uma oportunidade.  É uma iniciativa muito show de bola! O Sesc é sempre legal! Quando tem em São Bento a gente também vai. Sempre acompanhamos as atividades”. “Gostei mais da brincadeira de pintar”,disse o pequeno João João Otávio também participou da entrevista ao Nossas Notícias. Ele disse que a brincadeira que mais gostou foi a de pintar. “É bem legal! Eu gosto do Sesc”. “Vim porque meu marido passou por aqui e me falou” Naira Aviz contou que ficou sabendo da atividade pelo marido. “Ele passou aqui, viu de longe as atividades e me falou. Daí vim fazer umas compras no Centro e parei aqui por curiosidade”. Ela é mãe de João Victor, de 4 anos. “Achei uma atividade interessante. Bem criativa”, destacou. “Estava no Pedágio da Rede, vi as atividades e depois vim fazer a oficina de Abayomi”, contou Neuza Salermo Neuza Salermo é voluntária da Rede Feminina de Combate ao Câncer. Junto com outras voluntárias ela estava participando do Pedágio Solidário promovido pela entidade também em frente à Matriz. “Vi a movimentação no Quintal, que foi realizado no mesmo local e fiquei bem interessada. Então depois do fim do Pedágio, vim fazer a oficina de Abayomi”, relatou. “Fiz duas bonecas. Adorei!” Ela explicou porque achou a ação bem importante. “Gostei  muito da oficina de Abayomis! Ela  desmistifica a questão racial, valorizando a cultura e a história afros. Fiz duas abayomis. Adorei!”. “A abayomi não é uma simples boneca” Márcia Alice Lang (na foto,ao lado de Neusa), técnica de assistência e saúde do Sesc frisou que a ideia de ministrar a oficina tem o objetivo de mostrar uma parte da história do Brasil. “A abayomi não é uma simples boneca. Ela lembra a origem africana do Brasil. A gente sabe que aqui no Sul a questão do preconceito é muito forte. Então a oficina tem também o objetivo de desmitificar isso.As a abayomis não tem rosto justamente porque representam todos os africanos”. Saiba mais sobre as Abayomis Confira alguns momentos especiais da ação          ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram