Nossas Noticias

Mulher que agrediu a bisavó não permaneceu presa

Uma notícia chocante surpreendeu a comunidade de Rio Negrinho e região há poucas horas, quando a Polícia Militar informou através de sua página no Facebook ter prendido em flagrante uma mulher que agrediu sua bisavó de 79 anos, moradora do bairro Jardim Hantschel. Após os relatos da bisavó e de sua filha, a PM prendeu a agressora sob o âmbito da Lei Maria da Penha e a encaminhou para a Delegacia de Polícia Civil de Rio Negrinho. Liberada hoje mesmo Conforme o delegado Rubens Passos de Freitas, a agressora foi intimada para ser ouvida na Delegacia de Polícia na segunda-feira (25). Depois foi liberada.”Ela não convivia com a bisavó e por isso a agressão não se enquadra na Lei Maria da Penha”. Caso encaminhado para o Fórum O delegado contou também que foi expedida uma guia para que a senhora de 79 anos possa fazer o exame de corpo delito. “Todos os envolvidos serão ouvidos na segunda-feira. Daí será feito o Termo Circunstanciado e encaminhado para o Fórum”. Saiba mais sobre a ocorrência:  POLÍCIA MILITAR PRENDE MULHER QUE AGREDIA BISAVÓ EM RIO NEGRINHO  Nesta sexta-feira (22), por volta das 15h, a Polícia Militar de Rio Negrinho prendeu uma mulher que agrediu sua bisavó de 79 anos, no bairro Jardim Hantschel. A guarnição PM foi até o local por solicitação da vítima, a qual afirmou que sua bisneta chegou em sua residência e lhe proferiu diversas palavras de baixo calão, fato ocorre com frequência, vindo ainda a lhe desferir um tapa na face e a derrubar com um empurrão, fato confirmado pela filha da vítima. Diante da violência familiar no âmbito da Lei Maria da Penha, a autora dos fatos foi presa em flagrante e conduzida para a sequência dos procedimentos cabíveis. “Segurança: Por pessoas do bem, para o bem das pessoas”. Texto: 2º Tenente PM Cleverson Kalil de Souza Seção de Comunicação Social da 3ª/23º BPM  ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram