Nossas Noticias

Caso IPRERIO: prefeitura determina retorno de ex-presidente do Instituto

Confirmando informação anunciada pelo prefeito Júlio Ronconi (PSB) durante coletiva de imprensa na semana passada, a ex-presidente do Instituto de Previdência de Rio Negrinho (IPRERIO), Zélia Slabiski, teve revogado seu pedido de afastamento sem remuneração pelo período de dois anos. Ou seja, de acordo com edital da prefeitura, ela deve retornar ao cargo de técnica administrativa do Iprerio até o dia 2 de julho. A iniciativa, conforme Ronconi, se deu em função de uma recomendação do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina após o Iprerio ser alvo de investigação nacional da Polícia Federal por conta de aplicações de dinheiro de aposentadorias de servidores públicos em fundos de investimento considerados suspeitos. “Moro em São Paulo e a recém soube deste edital” A reportagem do Nossas Notícias convrrsco com Zélia na manhã de hoje. Ela atualmente mora em São Paulo (SP), com a família. “A recém agora soube deste edital. Por isso não pensei sobre este assunto ainda mas assim que tomar uma decisão, vou comunicar”. Ela disse que não recebeu nenhuma intimação para se pronunciar sobre as aplicações realizadas na gestão passada, quando era presidente do Iprerio. “Mas considero que assim como todos sabem    investigação é normal e não é crime. Todos que tem cargos públicos sabem que um dia poderão ser investigados”. Zélia informou ainda que o Iprerio foi auditado pelo Ministério da Previdência em 2015. “Não tivemos nenhuma irregularidade apontada. Mas fico feliz quanto à fiscalização”.    ]]>

Parceiros

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram